.
Notícias de Rondon

Lideranças se unem para tentar reabrir frigorífico de aves em Umuarama

Lisboa Móveis Parceiro da Rádio R desde 2008

A crise começou em 2014 e em maio de 2016 houve a demissão em massa de aproximadamente 600 funcionários. A história da Averama em Umuarama chegava a um ponto trágico, após cerca de 18 anos de pujança e geração de 3 mil empregos diretos e 15 mil indiretos nas unidades de Umuarama e Rondon.

Muitos dos funcionários ainda não se recuperaram do baque sofrido e a economia local ficou desfalcada.

Por este motivo, 42 lideranças do Paraná publicaram na segunda-feira (18) um manifesto de apoio para reverter a falência da Averama. O objetivo é fazer com que a empresa volte a funcionar, gerando emprego e renda para a região.

Assinaram o documento o chefe da Casa Civil Valdir Rossoni, os deputados federais Osmar Serraglio e Alfredo Kaefer, além dos deputados estaduais Fernando Scanavaca, Claudio Palozi, Jonas Guimarães. Além disso, mais de 27 prefeitos também endossaram o documento, entre eles o prefeito de Umuarama, Celso Pozzobom.

O manifesto salienta a importância da empresa para todo noroeste e também para o Paraná, já que a avicultura e o abate de aves movimentam uma série de setores da cadeia produtiva, indústria e comércio com os consumidores finais.

Confira a íntegra do documento:

Fonte: OBendito